Rambo ganha sátira gay

“Rambo... But Gay” transforma a história do ex-soldado do Vietnã assassino num musical bicha, bicha, bicha e delicioso

Rambo... But Gay

Em 1982 estreava o filme Rambo: Programado Para Matar (do original em inglês First Blood  – viva os títulos brasileiros…) com um Sylvester Stallone no auge da forma física e da cara de cachorro são bernardo. A história do veterano do que ainda sofre com traumas de guerra ressonou tanto com o público brasileiro que  Rambo foi parodiado em programas de humor, copiado por coadjuvantes dos Trapalhões e permaneceu um hit de locadoras e reprises televisivas por uns quinze anos.

Se as bichas já achavam o Rambo gostoso antes… Imagina um Rambo ainda mais sarado. Cercado de personagens mais bichas que o cabelereiro da sua mãe. Com três números musicais. E a melhor cena de banheiro desse ano. Pois agora se o resultado da sua imaginação bate com Rambo… But Gay, o curta do diretor Michael Serrato produzido para o site Nerdist.

Rambo: Programado Para Matar

Vamos comparar a versão nova com a original? Stallone, até que você era gatinho…

No fim do vídeo, o diretor admite o quanto se divertiu uma versão tão viada de personagem símbolo da ultramacheza e hiper-heterossexualidade. E pede sugestões de quais outros filmes deveriam receber o mesmo tratamento. Top Gun? Eu queria ver Conan. Ou Dirty Dancing. Tantas possibilidades…

p.s.: Entre as memórias das manhãs em que meus neurônios lutavam para sobreviver atacados pelo Xou da Xuxa, ficaram gravadas cenas de um desenho animado do Rambo em que ele era bonzinho e ecológico. Pois na pesquisa para esse post deu pra descobrir que realmente a ideia do desenho era essa, mas que (bom-senso de algum executivo) o cartoon não passou da primeira temporada. Milhões de “baixinhos” sendo bombardeados todas as manhãs por heróis fantasiados de figuras fetichistas como Rambo, He-Man e Lion… Alguém aqui sente que suas fantasias foram afetadas de alguma maneira por esses personagens que assistiam quando eram proto-gayzinhos?

Um Comentário sobre “Rambo ganha sátira gay”

  1. Caio

    kakakakakakakakaka, muito divertido. Bom, como sugestão eles podiam fazer um sobre o predador rs, duplo sentido aí XD. Mas é verdade, os personagens dos desenhos animados na infância despertavam-me atração, principalmente o Ciclope e o Wolverine do X-men.

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será publicado)

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>